Conheça o RubberHose 2

O Battle Axe, estúdio por trás do RubberHose, atualizou seu plugin de rigging para uma nova versão trazendo várias novidades. E fica ligado, que se vocÊ já tem a versão anterior do RubberHose, rola um bom desconto para atualizar (de $15 dólares).

O RubberHose é uma alternativa bem interessante ao famoso Duik, pois nele o rigging é feito quase que automaticamente criando shape layers. E aí, é só ajustá-las para se adequarem as necessidades dos nossos personagens.

Uma das principais novidades da versão 2 é que o mesmo workflow agora pode ser utilizado com camadas do Illustrator e Photoshop, através de uma ferramenta chamada RubberPin – semelhante ao Puppet Pin nativo do After.

Outra bela adição é a opção de criar tapering nas camadas. O que isso significa? Agora você pode ajustar a largura da camada ao longo da sua extensão, criando aquele um efeito de “funil”, bem interessante para ajudar a dar profundidade aos personagens.

Confira o vídeo de lançamento ro RubberHose 2:

Sobre Dimitri Bastos

Designer gráfico freelancer atuando com Motion Graphics, 3D e ilustração, também professor e fundador da Academia Criativa. Nas horas vagas é aspirante a escritor e jogador de videogame. 😀 www.dimitribastos.com
  • André Rodrigues

    Sensacional Dimitri!

    Usava mais o DUIK, mas depois de ver como funciona RubberHose fiquei bem interessado em usa -lo achei mais fácil também, gostaria muito de ver o tutorial do personagem completo =)

    vlw pela iniciativa, vou ficar sempre acompanhando agora.

    Abs!

    • Legal, André. Eu comecei no RubberHose meio desconfiado, mas aberto a ver o que havia de diferença. Para alguns tipos de trabalhos, como personagens que você pode construir com shape layers, achei que é mais bacana. 😀
      Que bom que gostou e te vejo no próximo vídeo! 🙂

  • Ulisses Sabino

    Muito bom, estou iniciando os estudos no Rigging, estou estudando a o plugin DUIK, mas essa ai é bem mais facil.
    É um plugin pago???

    • Fala, Ulisses. É um plug-in pago, sim. Vou adicionar essas informações no post.
      Também achei mais fácil que o DUIK mas não é tão completo quanto o DUIK. Nesse caso eu acho o RubberHose interessante pelos recursos dele quanto a shape layers. Pretendo usar mais vezes. 🙂